O protetorado da sombrinha #1 - Alma? ( Gail Carriger )

13:05:00

Oii gente, vamos a mais uma resenha. 






Nome: Alma?
Autora: Gail Carriger
Série: O protetorado da sombrinha
Editora: Valentina
ISBN: 978- 85- 65859- 04- 2
Págs: 305
Onde comprar: Saraiva / Submarino












Sinopse:
Alexia Tarabotti enfrenta uma série de atribulações sociais, quiproquós e saias justas (embora compridíssimas) em plena sociedade vitoriana. Em primeiro lugar, ela não tem alma. Em segundo, é solteirona e filha de italiano. Em terceiro, acaba sendo atacada sem a menor educação por um vampiro, o que foge a todas as regras de etiqueta.
E agora? Pelo visto, tudo vai de mal a pior, pois a srta. Tarabotti mata sem querer o vampiro ― ocasião em que a Rainha Vitória envia o assustador Lorde Maccon (temperamental, bagunceiro, lindo de morrer e lobisomem) para investigar o ocorrido.
Com vampiros inesperados aparecendo e os esperados desaparecendo, todos parecem achar que a srta. Tarabotti é a responsável. Será que ela conseguirá descobrir o que realmente está acontecendo na alta sociedade londrina? Será que seu dom de sem alma para anular poderes sobrenaturais acabará se revelando útil ou apenas constrangedor? No fim das contas, quem é o verdadeiro inimigo, e... será que vai ter torta de melado?
Uma das séries de Steampunk mais cultuada do mundo.



Quem narra a história é a Alexia. Ela conta a história de uma forma diferente, que faz o leitor se prender ao livro.
Em um baile ela foi atacada por um vampiro de uma forma completamente inadequada, o que achei um tanto engraçado e interessante, pois é como se houvesse uma maneira " adequada " de se atacar alguém. 
Desse dia em diante ela passa com a ajuda de um lobisomem encantador mas arrogante tentar descobrir o porque desse ataque, e porque de novas aparições e sumiços de alguns seres sobrenaturais.

Alexia não é aquela típica heroína que muitas vezes acaba precisando ser salva ( nada contra isso, pelo contrario, gosto muito desse tipo personagem ) mas voltando ao ponto, ela foge das regras e convenções, e isso é o que mais admiro, já que na época em que ela vive é muito difícil uma mulher ter voz, quase impossível ( convenhamos que até nos dias de hoje INFELIZMENTE isso acontece ) o que acho um absurdo.
Mas novamente voltando a Alexia, ela é forte, mas consegue ser um tanto delicada. inteligente, quer descobrir quem a atacou. Mas ao mesmo tempo em que  critica, de certa forma, os costumes em que vive, ela acaba tendo certos ... receios perante a tudo o que está acontecendo. Provavelmente envolvendo um certo lobisomem do qual vive quase entre tapas e talvez   e beijos.


 Gostei bastante dessa mistura de personagens sobrenaturais, não é algo que esteja a costumada ler, normalmente é ou sobre vampiros, ou sobre lobisomens. É interessante como a sociedade de Londrina " aceita" que eles vivam entre eles, não é como se eles pudessem fazer algo. Adorei essa sociedade.

 O livro é uma gracinha, gosto bastante da capa. E achei a diagramação boa.
O livro é bom, quero ler a continuação. O Steampunk me encantou, é o primeiro livro do gênero que leio. Para aquelas pessoas que gostam de romance, uma comédia e uma pitada de sobrenatural tudo junto e misturado, vale a pena ler.


Espero que tenha gostado...
Beijinhos e até a próxima...

Jéssica Tolare





You Might Also Like

0 comentários

Amazon

Amazon