A IMPORTÂNCIA DA LEITURA NA INFÂNCIA

08:30:00





Vivo no meio dos livros desde que me entendo como gente. Não faço ideia de como e nem quando começou. Meus pais apesar de me incentivarem bastante a sempre estudar, não posso dizer que fizeram o mesmo com os livros. Eles não leem e não sabem de onde comecei a gostar tanto de ler. Minha avó fala que um dia vou ficar doida de tanto ler, não vejo problema algum se eu realmente ficar assim.

Tenho memórias da minha infância e apesar de não ter tanto incentivo assim, foi uma parte crucial para que eu gostasse de ler, pois lá, naquela época, que tudo começou. Foi com gibis da Turma da Mônica, que na verdade, só gostava da parte da Turma do Penadinho. Foram tantos livros que quando visito a biblioteca da minha antiga escola, cada obra que vejo é uma memória maravilhosa que surge em minha mente. Posso não lembrar de todos, mas sempre há aqueles que marcam.

Mas o que realmente me fez despertar a paixão por leitura foi o livro O castelo Rá-Tim-Bum. Ele tinha algumas ilustrações e era baseado no filme e na série que passava na TV Cultura. Lembro que depois uma semana para ler, um livro tão curtinho, mas que reli mais duas vezes depois de ter terminado. A sensação foi fantástica, maravilhosa, algo que nunca tinha sentido com qualquer leitura.
Conforme fui crescendo, parei de ler tantos livros, adolescência é mesmo uma droga. Mas mais tarde voltei a ler, e foi aí que entendi que queria passar o resto da minha trabalhando com eles. Pois as memórias voltaram a tona, me lembrando o porquê eu gostava tanto de ler. Foi quando entendi e percebi que era isso que eu queria para minha vida inteira, não tem jeito, é como se eu não conseguisse me ver fazendo qualquer outra coisa pelo resto da minha vida e hoje estou no curso que amo, fazendo algo que não me arrependo.

Resolvi contar um pouquinho da minha história porque quero mostrar e que vocês entendam a importância que ler durante a infância foi para mim. Talvez, hoje, eu nem gostaria de ler se não tivesse começado quando criança.

Os pais têm um papel importante nisso, apesar do meu caso ter sido diferente, vejo alguns na internet falando que desde cedo incetiva o filho a ler. O único caso que consigo lembrar é da escritora Bianca ~diva~ Briones, pelo o pouco que acompanho ela nas redes sociais, vejo que ela sempre incentivou seus filhos a lerem. Tanto que um deles, o Athos, tornou-se um escritor e já lançou sua primeira obra.

A leitura transforma as pessoas, logo elas transformam o mundo. Não lembro onde vi essa frase, caso alguém saiba quem é o autor, deixe nos comentários, por favor. As crianças aprendem muito rápido, são enérgicas e curiosas, quando elas leem, são obrigadas a imaginar o cenário, os personagens, toda a história, estimulando a imaginação cada vez mais. Sem contar que proporciona conhecimento.

Não sou educadora, talvez não esteja apta, ainda, para falar sobre a importância da criança ler, mas reconheço que ela me moldou como pessoa e como profissional. Se hoje eu sou alguém, se entendo outras culturas, outros lugares, se aprendo qualquer coisa, política, religião, feminismo, direitos é graças ao livro que li.

Para finalizar tudo o que peço como pessoa e como futura bibliotecária é que incentivem seus filhos a lerem, pois só assim teremos uma sociedade melhor e justa, seus filhos serão melhores como pessoas e profissionais. Mais uma frase que não faço ideia de quem seja autor, Conhecimento é poder.


Feliz dia das crianças
(chateada porque não ganho mais presente)
Beijos e até a próxima,

Jéssica Tolare

You Might Also Like

0 comentários

Amazon

Amazon